Evento sob demanda: por que apostar nessa estratégia para o negócio?

0
880

Apesar do mundo digital ao qual somos cada vez mais incorporados automatizar nossas relações e levá-las, gradativamente, para uma rotina não-física, as conexões interpessoais sempre serão mais fortes se firmadas e cultivadas em ambientes táteis, mais sensíveis. Sejam estas conexões interpessoais geradas por vínculos familiares, de amizade, sociais ou de negócios – que, aliás, essencialmente carecem do famoso tête-à-tête. Neurocientistas já constataram que o olhar fixo no outro prende mais a nossa atenção e faz com que desviemos o foco dos acontecimentos ao nosso redor.

Não à toa, o setor de eventos é responsável por 4% do PIB nacional, um percentual forte, tendo em vista as centenas de áreas que contribuem para o desenvolvimento econômico de um país. É nesse cenário, inclusive, que o segmento de encontros corporativos se destaca, crescendo ano após ano e animando as indústrias que, hoje, são inerentes ao modal para promover seus negócios.

Conforme um levantamento realizado pela Sympla, startup que atua no ramo de vendas de tickets para eventos em geral, houve um aumento de cerca de 36% no número de reuniões corporativas no primeiro trimestre de 2023, em comparação com o mesmo período do ano passado, e um crescimento de 30% em relação aos primeiros meses de 2019, ano anterior à pandemia.

Os dados deixam claro que, independentemente do período de isolamento social, os mercados estão ávidos por compromissos presenciais e a alta na produção de eventos não é momentânea, é uma tendência. Só a NürnbergMesse Brasil, consolidada como a principal promotora deste segmento no país, fechou o ano com cerca de 150 reuniões entregues, entre pequenas convenções e grandes feiras comerciais. Desse total, 100 foram promovidas pela unidade verticalizada do grupo: a NMB On Demand, responsável pela produção de encontros personalizados.

O núcleo atende a uma clara necessidade do mercado de fortalecer as marcas por meio de eventos sob demanda. Afinal, cada empresa tem seu escopo e objetivo, o que reforça a necessidade de criar encontros distintos e personalizados. Quem está ampliando o relacionamento de negócios para além dos escritórios tem tido bons resultados. Convenções, palestras, congressos, roadshows, seminários e mesas-redondas estão entre os investimentos mais importantes no segmento. Os formatos permitem que as empresas tenham soluções sob medida para atingir suas metas, sejam elas na área de marketing, networking ou promoção de produtos e serviços.

Contudo, investir nesse tipo de ação também é desafiador, já que as empresas geralmente têm um orçamento limitado. Aí é que entra a importância da personalização. Traçar metas, objetivos e entender o público-alvo do evento que você está produzindo ajudam a limitar os gastos e direcioná-los de forma mais assertiva, sempre levando em conta a melhor estratégia para fomentar os negócios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui