CONEXÃO BRASIL X CHINA

0
772

Multifacetado, Fernando Brandão, explora na arquitetura, o que há de melhor entre São Paulo e Shangai

Vivendo no contraponto de dois polos, Brasil e China, o arquiteto Fernando Brandão permite reconhecer, criar e se inspirar no que há de melhor nos dois países, enxergando além do convencional e fugindo do óbvio em seus projetos. Em seu currículo, agrega o fato de ser o único arquiteto brasileiro a ter um escritório em território chinês. Além disso, atua como professor do núcleo de arquitetura internacional de duas das maiores universidades da China.

Além dos 40 anos de atuação no Brasil, já são 10 trabalhando e circulando pela China, onde visitou 120 cidades e realizou projetos, consultorias e assessorias. “Nesse tempo de vivência na China, me adaptei às lacunas no vocabulário e repertório, tive um trabalho peregrino e percebi que o diferencial estava em vender cinco conceitos importantes dentro da arquitetura: acessibilidade, conectividade, sustentabilidade, identidade e humanidade”, revela.

Por meio da docência em instituições internacionais, busca experimentar e elevar o nível dos estudantes a ir além da herança cultural e fugir de “caixas” beges. “Procuro elevar o conhecimento dos jovens, pois sinto que as novas gerações perdem oportunidades de aprender com os mais experientes, achando que o mundo é restrito a respostas do Google. A arquitetura e a forma de criar precisam ir além”, sinaliza Brandão.

Atualmente, está à frente das reformulações das novas lojas da Livraria Cultura e encara o desafio de conquistar os novos leitores. Sua vivência nos dois países, o permite que faça uma conexão profunda, com um olhar único de quem conheceu a fundo duas culturas e costumes bastante diferentes, e crie uma nova forma de projetar ambientes a fim de valorizar a arquitetura que vai muito além da beleza.

Livraria Cultura – Fortaleza
Fernando Brandão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui